top of page

Reunião anual do Observatório dos Sistemas Tradicionais e Agroecológicos de Erva-mate acontece em São Mateus do Sul

No dia 5 de março, o Observatório dos Sistemas Tradicionais e Agroecológicos de Erva-mate realizou a terceira reunião presencial no município de São Mateus do Sul, Paraná. A reunião, realizada anualmente, apresentou resultados dos trabalhos que acontecem desde 2021, como o Programa SIPAM, elegeu uma nova Secretaria Executiva e discutiu os projetos futuros para o Observatório.


O encontro contou com a presença das seguintes organizações: MPT-PR, CEDErva, FETRAF, Embrapa Florestas, IDR-PR (IAPAR-EMATER), Sindicato dos Trabalhadores de Agricultura Familiar de Bituruna, Sindicato dos Trabalhadores Rurais de São João do Triunfo, Sindicato dos Trabalhadores de Agricultura Familiar de União da Vitória,  ECOARAUCÁRIA, Sindicato dos Trabalhadores de Agricultura Familiar de São Mateus do Sul, Guayakí Yerba Mate, Coletivo Triunfo, FUNAI Guarapuava e CONTRAF.


Evelyn Nimmo (CEDErva) deu início às discussões das pautas ao abrir conversas sobre as atividades dos GTs ativos em 2023: Cooperativismo e Certificação, Pesquisa e SIPAM. Bernardo Vergopolem (FETRAF, Ecoaraucária) relatou ao grupo que a importância da cooperativa se fez presente em inúmeras discussões proporcionadas pelas atividades realizadas pelo Observatório ao longo do ano, que as conversas deixam evidente a necessidade de organização os agricultores e agricultoras em uma cooperativa e que no final de 2023, em reunião com ITAIPU, foi discutido a possibilidade de apresentar uma proposta para a entidade para formalizar a cooperativa.


O GT Pesquisa discutiu as diferentes frentes de atuação das pesquisas que envolvem os sistemas tradicionais de erva-mate, dentre elas a realização do 1º Seminário de Pesquisas Interdisciplinares sobre Erva-mate Sombreada, que aconteceu em Ponta Grossa, na UEPG, no final de novembro, 2023. Também foi citada a parceria entre IDR-PR e Embrapa, com atividades referentes ao desenvolvimento de um banco genético participativo de erva-mate, entre outras atividades. Foi reconhecida a necessidade de aliar as pesquisas com as demandas dos agricultores, especialmente em relação à renda e à certificação.


O GT SIPAM expôs a situação da candidatura SIPAM (Sistemas Importantes para Patrimônio Agrícola Mundial). Foram relatadas as atividades de Oficinas, minicursos e diálogos de saberes, visitas e reuniões em comunidades ao longo do ano, e o trabalho dos técnicos do projeto, Ana Paula Wenglarek e Josias Lech.  O projeto se encontra finalizado, visto que o mesmo cumpriu com a agenda prevista para acontecer com os recursos disponibilizados pelo MPT.


Como pauta prevista para o encontro, a reunião do Observatório dos Sistemas Tradicionais e Agroecológicos de Erva-mate discutiu a possibilidade de outra entidade assumir a Secretaria Executiva do Observatório, que até então era responsabilidade do CEDErva. Após uma breve votação e apontamentos, concordou que a FETRAF - Federação dos Trabalhadores e Trabalhadoras na Agricultura Familiar assumiria a Secretaria, com um período de transição com o apoio do CEDErva.



Reunião realizada na sede do Sindipetro em São Mateus do Sul.


Comments


bottom of page